sábado, maio 11, 2013

Laivos de hooliganismo

Isto é feio, muito feio. É um jogo de futebol e não uma guerra. Existem pessoas que vão ver o jogo pelo desporto, e para verem uma das equipas ganharem.
Isto, esta recepção, este ódio clubistico é completamente dispensável.
E sim, tenho dúvidas de que mais de 1000 polícias, meios aéreos e de captação de imagens sejam suficientes.
As claques estão completamente loucas, mais do que o costume. A prova: a imagem aqui em baixo e a "retaliação" que tenho a certeza de que está a ser feita.

Caramba....é um jogo, não é uma guerra.
Mas para além de querer muito que o meu SLB ganhe e se sagre campeão (ajuda em muito à moral para o dia 15), acima de tudo espero que a polícia consiga conter o máximo de violência que se possa, porque esta frase não é bonita, e apela ao sangue entre os raios negros das claques.




6 comentários

  1. Nestas coisas de hooliganismo tenho uma visão salomónica, sejam azuis, verdes ou vermelhos é levar com uma carga policial em cima, pagarem as despesas e serem banidos dos recintos desportivos por x anos. E a desculpa do ambiente de festa que criam não "cola".

    ResponderEliminar
  2. As pessoas que fizeram isto deviam aproveitar essas energias para se manifestarem contra a Troika e as medidas de austerirdade. Isso é que é importante mas somos um país de carneiros que está mais interessado em futebóis

    ResponderEliminar
  3. Olá Inês,
    Também queria que o Benfica ganhasse...

    Não deu. Agora nada justifica que se transforme um jogo de futebol numa guerra. Mas naqueles lados já não admira muito.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  4. Nojentos pah
    em relação ao meu benfas...até me passei, no entanto ganhar ou perder devia ser com desportivismo e não com fúria.

    ResponderEliminar
  5. Há coisas que me transcendem e de facto, estas, são uma delas. :S

    ResponderEliminar
  6. Se há coisa que não compreendo é isto, a falta de desportivismo, de civismo e de respeito pelos outros em situações que deviam ser de festa e se tornam uma guerra.

    ResponderEliminar

© Brainstorming
Maira Gall