segunda-feira, junho 10, 2013

E hoje

E hoje, Dia de Portugal, tentam vender o meu país por uns trocos, de maneira descarada ao Brasil.
Sinto-me triste por saber que valho somente uns tostões, que as nossas melhores empresas, as que dão lucro vão ser vendidas como se vendem camisolas descoleccionadas nos saldos: leve 2 e pague 1. Por favor leve, por favor compre, nem que seja por um tostão furado.

Caramba....no Dia de Portugal descubro e constato que valho apenas uns trocos, que valemos meia dúzia de euros, que mais que em saldos estamos a ser vendidos sem lucro. 
Só falta venderem a nossa nacionalidade e identidade. A língua já está praticamente vendida...ao Brasil.

Porra....fico triste.

1 comentário


  1. Partilho da tua preocupação... (ainda hoje ao jantar "discuti" com o maridão por causa disso mesmo e por causa do ar prepotente da Dilma) mas acho que estás a ver as coisas com algum exagero.
    Portugal está a saldo infelizmente... mas entre chineses ou brasileiros, sempre prefiro quem fala alguma coisa que se entenda.


    Beijinhos lusos minha padeirinha
    (^^)

    ResponderEliminar

© Brainstorming
Maira Gall