Muitas questões

segunda-feira, agosto 04, 2014

" (...) O Grupo Espírito Santo, através de entidades não financeiras não sujeitas à supervisão do Banco de Portugal, situadas em muitos casos em jurisdições de difícil acesso, desenvolveu esquemas de financiamento fraudulento entre as empresas do grupo"

A avaliação das responsabilidades individuais do anterior presidente da administração, do administrador com o pelouro financeiro e dos outros membros da comissão executiva que entretanto renunciaram aos cargos, vai ter lugar no contexto da auditoria forense que foi determinada pelo Banco de Portugal".

"Caso se confirme a prática de ilícitos, serão extraídas as necessárias consequências em matéria contra-ordenacional e criminal (...)"


Muitas questões tenho sobre o Banco Bom e o Banco Mau.

Mas desde ontem, desde o minuto em que ouvi em directo a parte final do comunicado, a maior e mais premente questão que tenho neste momento, é basicamente esta:

Do que é que a PGR, o MP, a PJ e todas essas entidades estão à espera para irem buscar esta cambada de gatunos, de gente de má raça e de má fé à Comporta (em Angola a coisa vai demorar), e de os enfiar directamente nos calabouços da PJ?????
Vão esperar que fujam do país ou que queimem mais papéis e ocultem mais provas da grande "mafiosidade" que fizeram?????

You Might Also Like

1 comentários

Popular Posts

Subscribe