sábado, julho 30, 2011

Apelo

Eu faço parte da malta que se farta de trabalhar nas vossas férias. E custa trabalhar em Agosto, por mais que nos habituemos.São dias e dias que passam a correr e que passam ao mesmo tempo devagar.São horas e horas de trabalho, e pouco descanso. É receber e atender todo o tipo de pessoa, e fazer o possível para atender aos pedidos.
A malta que pega no batente não pede muito em troca ao cliente, não pede dinheiro por exemplo. Pede apenas simpatia e cordialidade, ou um pouco de bom-senso quando se fala com a pessoa que está a trabalhar.
Se forem de férias, ao entrarem num estabelecimento de hotelaria ou de restauração, lembrem-se que a pessoa que está do outro lado não é um serviçal, ou um criado para todo o serviço. Que o facto de estar ali, não significa que seja burro, que tenha o ensino básico ou médio, e mesmo que tenha isso não é relevante.

As pessoas que se esmifram a trabalhar para o vosso conforto, para que tenham tudo, são humanas. E exigem apenas em troca que se usem as seguintes expressões:
"Pode fazer-me um favor??"
"Importa-se de????"
"Por favor...."
"Se faz favor..."
"Obrigado..."

4 comentários

  1. Olá minha linda :)
    Tenho saudades de vir aqui ao teu espaço mas ultimamnete ando com um problema qualquer no meu PC que, mal carrega uma página "mais pesada", vai-se logo abaixo.
    Agora, depois de 3 tentativas de te comentar, desisti e vim ao do meu filhão para te poder escrever.

    Li o teu post e não podia ficar indiferente.
    Como concordo contigo! Eu fui educada a tratar com deferência toda a gente e faz-me uma confusão danada quando me apercebo de "abusos" e até faltas de respeito no tratamento a peesoas que estão no atendimento público, nomeadamente no ramo da hotelaria.

    Mas Inês, acredito que o apelo que fizeste não vá mudar nada porque muito possivelmente quem te lê partilha da tua opinião. As pessoas cujas mentalidades precisam urgentemente de ser mudadas provavelmente não populam por aqui.

    Um beijo de coragem aqui te deixo para te dar muita força.


    PS: Se tiveres pachorra vai ver isto:

    http://orquideasselvagem.blogspot.com/2011/07/inquerito-puxar-para-o-erotico.html

    (Xuac) :)

    ResponderEliminar
  2. Bom trabalho querida.... Percebo-te bem... como sabes a nossa casa la em cima ja foi de turismo rural. bjoooooo Como te entendooooooo. beijo

    ResponderEliminar
  3. Como te compreendo bem. Trabalho na aviação e é justamente em Agosto que me rebento todo com trabalho.

    Novo desafio musical:

    http://ocantinhodomestre.blogspot.com/2011/08/desafio-musical-n-6.html

    ResponderEliminar
  4. Os portugueses nunca conseguiram pôr-se no lugar do outro, daí agirem como se fossem superiores quando deviam agir de igual para igual. Na cabecinha deles há profissões superiores e inferiores e assim tratam quem as exerce. Que fazer? Há coisas que nunca irão mudar. Beijinhos

    ResponderEliminar

© Brainstorming
Maira Gall