Night Air

terça-feira, agosto 23, 2011

É na noite que se escondem e se descobrem os maiores e profundos segredos.
É na noite que nos revelamos e nos escondemos de nós mesmos e dos outros que nos rodeiam.
É na noite que nos ouvimos, que nos silenciamos.
É na noite que os nossos pensamentos ganham vida, que os pensamentos falam, que os sentimentos se consomem.
É na noite que se consomem as verdades.
É na noite a altura em que falamos connosco, com o nosso eu, debatemos e concluimos o nosso dia, nos afirmamos ou nos reafirmamos como pessoas.
É na noite que o nosso Eu toma ser e toma forma e se transforma.

À noite todos os gatos são pardos.










You Might Also Like

4 comentários