Mês 12

quinta-feira, dezembro 01, 2011

E pronto...entrámos no mês 12, no mês de Dezembro, no último mês do ano. Há quem adore, há quem odeie, há quem vá do ódio ao amor como quem muda de roupa.
O Dezembro é um mês que não aprecio particularmente.Não quer dizer que odeie, porque o meu pai faz anos neste mês, e tenho boas recordações dos natais de infãncia.
Mas o Dezembro é para mim é um mês cínico, ou um mês que leva as pessoas a serem cínicas. É verdade. Passamos os restantes 11 meses a falar mal, a criticar, a sermos avarentos, a não fazermos isto, aquilo, ou o outro porque não queremos, ou não gostamos. E chegamos a Dezembro eis que: toda a gente ajuda, toda a gente é solidária, são jantares e almoços de Natal nos empregos, em que todos trocam prendas e esboçam sorrisos, são reuniões de família em que muitos se esforçam para terem um sorriso na cara que não seja muito amarelo, são as prendas que são compradas e oferecidas porque tem que ser, e porque não se pode ficar mal na fotografia. São os natais nos hospitais e as galas de solidariedade em que todos damos, porque é Dezembro, é natal e "re béu béu béu pardais ao ninho", e mais do mesmo.
O mês 12 é provavelmente o mês mais cínico do ano, ou o mês em que nos tornamos mais cínicos. Todos o somos um bocadinho nesta altura, não adianta negar.
Todos neste mês praticamos o socialmente correcto, em que fazemos aquilo que não queremos e não gostamos só para agradar, e os outros fazem o mesmo.


You Might Also Like

0 comentários