quarta-feira, abril 18, 2012

Ovos moles

A minha mãe hoje foi passear a Aveiro e trouxe-me uma caixa com doze ovos moles.
Quatro já marcharam e eu garanto que os quero fazer durar, mas é muito difícil para mim esta situação.
Eu encaro o pecado da gula com estes doces, transformo-me na gula em pessoa, ou como de uma vez, ou vou comendo devagar para os ditos durarem mais...
Se o diabo encarnar em doces, encarna nos ovos moles, porque eu não lhes resisto...olho para eles e penso não...eles olham para mim e dizem mentalmente "come-me, devora-me...devagar ou depressa o que interessa é que me comas...".

E pronto agora vai marchar o quinto prazer demoníaco...


10 comentários

  1. Ó minha Princesa... eu nem acredito!! Hoje os ovos moles preseguem-me!! Ainda há pouco nos comentários que deixei no meu último post falei duas vezes em ovos moles... e agora vens falar-me neles de novo?? Ai que é desta que fico aguada!

    Acho que vou ali à cozinha fazer um prato de leite creme para enganar os desejos e já volto.

    Beijos gulosos :)

    ResponderEliminar
  2. Oh pá!!!! Não há direito!! A provocar salivação extra no pessoal!! ;)

    ResponderEliminar
  3. Eu também gosto, mas evito comprar ou vê-los se não está tudo estragado, vou comer como uma burra e depois no fim fico para lá de lixada de arrependida que fico lol... pancas minhas. Beijinho ,o)

    ResponderEliminar
  4. Sou exactamente Inêzita. Não posso ter nada que marcha tudo. Sem dúvida a Gula também é o meu pecado.

    ResponderEliminar
  5. Mary: essas coisas não passam pela minha cabeça, porque é raro comer estes doces pecaminosos.

    ResponderEliminar
  6. Loirita: com muito esforço consegui conter-me.

    ResponderEliminar
  7. Supersónica: estou a olhar para os últimos que tenho...

    ResponderEliminar

© Brainstorming
Maira Gall