Mudanças de fim-de-semana

domingo, fevereiro 17, 2013

Dia 1 (ontem):
E de repente resolvo mudar a minha mobília de quarto de sítio.
Esquematizo a coisa toda na minha cabeça e descubro que o cabo da tv é pequeno de mais e não chega precisamente onde eu quero.
Faz-se uma pausa na mudança, remedeia-se a situação e deixa-se a resolução para o dia seguinte (hoje).

Nos entretantos, quando me deito, descubro a estúpida falta em que a tv me faz no sitio previamente pensado e no ângulo a que eu quero (não é bom para a vista, mas é aquele a que estou habituada há muitos anos, uma vez que vai de encontro à posição em que adormeço.

Dia 2:
Tendo o sitio da televisão e o ângulo como base, resolvo mudar novamente a cama de sítio, pelo caminha muda-se o guarda vestidos de posição "porque ali não há muito espaço, aqui há mais espaço, mas depois fica aqui este espaço todo e eu não gosto de ver". Resumindo e concluindo volta-se à posição inicial tendo já um joelho negro.

Nos entretantos pensa-se em ir ver o feng-shui para os quartos. Eu não acredito em bruxas "mas que as há, há" e toca de ir ler sobre o assunto. Rapidamente se conclui que quem escreve sobre o feng-shui dos quartos é alguém que pensa na "harmonia do casal", em "subir a temperatura do casal", e nos solteiros nada, nicles.
Os solteiros pelos vistos não precisam de harmonia nem de subir a temperatura, mas adiante.
Após esquecer a harmonia do casal no feng-shuin e pensar na minha, concluo que a posição da cama deve estar relativamente dentro dos parâmetros do dito (feng shui), bem como tudo o resto. Agora resta-me encontrar mais um quadro ou dois, uma carpete para deixar o aposento mais "confortável".

You Might Also Like

3 comentários

Popular Posts

Subscribe