quarta-feira, abril 10, 2013

Como????

Quer-se dizer... Ontem Vitor Gaspar emite um despacho em que são suspensos todos os gastos estatais, em que nada, mesmo nada pode ser comprado, adquirido, gasto, pago sem a sua autorização prévia. 
Entre a suspensão de gastos encontra-se o programa Impulso Jovem (iniciativa criada para impulsionar o emprego), que assim muito provavelmente será suspenso, (não vou na conversa de que o despacho tem a "validade" de três dias como disse ontem Lobo Xavier na quadratura do círculo).
Hoje o próprio Ministério das Finanças, publica em Diário da República a autorizção de salários mensais no valor de 10 mil euros para o Presidente do IGCP (entidade pública criada o ano passado basicamente para gerir as dívidas estatais), e de mais de 6 mil euros para dois vogais.

A justificação para estes salários (um deles superiores ao do PR), é o já famoso regime de excepção...


3 comentários

  1. Continuam a fazer escolhas erradas. :(

    ResponderEliminar
  2. Oh valha-me Deus! Como isto anda, livra! :S

    ResponderEliminar
  3. Deixem vir a troika....
    Mas por exemplo as acções de formação para desempregados foram suspensas. A minha não foi porque já tinha começado...

    ResponderEliminar

© Brainstorming
Maira Gall