quarta-feira, maio 22, 2013

Saudações

Saúdo o Martim, a sua coragem, a atitude e frontalidade.
É bem verdade que o ordenado mínimo não é suficiente (e não são necessários relatórios de Organizações e afins), mas também é bem verdade que muitas pessoas (eu incluída , não se importam de trabalhar por esse valor, ou ainda por menos.
Bem vistas as coisas, não são os relatórios elaborados por entidades que vêm pôr o salário minimo no nível minimamente desejado. Também não esses relatórios que nos dão trabalho/emprego. Também não esses relatórios que nos alimentam.



Parabéns ao Martim pela extrema audácia (assumo a minha "inveja" por não ter parte desta postura).

Quanto à Doutora Raquel: até pode ter um curriculum extraordinário  Mas uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa: quando a Doutora vier estudar as dificuldades e assimetrias sociais e económicas in loco, iremos estar dispostas a ouvi-la.
Quando a Doutora se aperceber que neste momento poucos se dão ao luxo de recusar um trabalho por questões e regalias salariais conversamos.

(Vale apena ouvir todo o vídeo, mas o que se ressalva está a partir do minuto 4).

6 comentários

  1. Grande video mesmo, é pena não haverem mais Martins por aí!

    ResponderEliminar
  2. Obrigada por partilhares este video, não conhecia e fiquei muito surpreendida pela positiva. Ainda bem que há gente a fazer coisas boas em Portugal. Beijinhos :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Logicamente que estão a mostrar o reverso da medalha, mas o que este miúdo fez e faz nem toda a gente o fez. Por isso, acho muito mal ter visto já por aí comentários a denegrirem o "negócio".

      Eliminar
  3. Gosto de pessoas que gostam de trabalhar. E é isto.

    ResponderEliminar

© Brainstorming
Maira Gall