sexta-feira, outubro 17, 2014

Das certezas que temos na vida

Das certezas que temos na vida, apenas a morte é certa.
Mas eu, nesta espécie de "balanço", e de análise que faço algumas vezes a mim mesma (sim, eu analiso-me frequentemente, porque é uma das formas de me manter "sã"), tenho cada vez mais quase a certeza (99% de certeza, porque os 100% vão para a morte), que essa coisa do dividir a cama, a vida, as alegrias, as tristezas, e do juntar escovas de dentes, a roupa suja e por aí adiante, não são definitivamente coisas para mim.
Lá está.....preservo demais o meu espaço, a minha pessoa, a minha personalidade, para me ver a dividir ou a juntar seja lá o que for.
E mais: por cada vez que olho para trás, para o que lá está, para o que lá ficou, sinto e sei que foi o correcto a fazer.

1 comentário

  1. Engraçado que ao ler este teu post foi como se estivesse a ver palavras minhas, acho que fico mais sossegada e calma por existir alguém que tem os mesmos pensamentos que eu, não me faz sentir tão estranha

    ResponderEliminar

© Brainstorming
Maira Gall