quinta-feira, maio 23, 2013

Sobre as iniciativas

Sou completamente a favor de todas as verdadeiras inciativas à empregabilidade, 
Gera emprego, o mercado anima, o desemprego "diminui", ganha-se experiência profissional.
Contudo irrita-me seriamente ver toda a gente abrangida por não sei quantas medidas de incentivo à empregabilidade, menos as pessoas da minha faixa etária.

Aquelas que muito provavelmente precisam de verdadeiros incentivos e apoios à empregabilidade.
Muito sinceramente, sinto que não sou carne, nem peixe. Que não importo. Nem eu, nem a minha faixa etária, a faixa dos 30's, aqueles que estão a constituir ou constituíram recentemente família. 

Aqueles que foram apanhados no meio da crise. Aqueles que tem uma "carreira" profissional completamente e estupidamente estagnada. Aqueles que vendo bem as coisas podem não vir a ter reforma, ou vir a trabalhar até mais tarde.

A sério...e nós????
Não somos tão poucos quanto isso....na formação que estou a fazer agora, cerca de 90% das pessoas são da minha faixa etária, e isto significa algo, e não é tão minimo ou minimal como querem fazer crer.  

2 comentários

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Eu acho é que não devia ser necessário haver iniciativas destas. Que o mercado devia funcionar normalmente e devíamos construir o nosso futuro assente em bases sólidas sem pensar em ir para o estrangeiro para ter um emprego. Infelizmente os tempos são cinzentos e concordo contigo: as faixas etárias dos 30 e dos 40, que tem famílias a cargo, são precisamente a menos apoios têm, sendo que são aquelas que são responsáveis por criar o bem mais importante que é o futuro de um país.

    ResponderEliminar

© Brainstorming
Maira Gall