quarta-feira, novembro 13, 2013

Sobre o amo-te

Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?
Fernando Pessoa
Nunca disse amo-te, ou chamei alguém de amor.
Se dissesse iria banalizar o que já está banalizado.
Amo-te e amor, são palavras que devem ser ditas com verdadeira intenção e emoção, não da forma quase corriqueira e banal como "é um café por favor".



Sem comentários

Enviar um comentário

© Brainstorming
Maira Gall